Bem vindos

anuncie aqui

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

A comunidade vaqueira do Vale do São Francisco está de luto.

A comunidade vaqueira do Vale do São Francisco está de luto. Perdemos hoje, de forma trágica, o vaqueiro Paulo Victor, filho de outro conhecido vaqueiro, Paulo Lima. O mesmo, estava numa rodada de vaquejadas no estado do Pará e, hoje, ao desmontar o alojamento que faz parte do caminhão que transportava a sua equipe, tocou com um objeto metálico na rede de alta tensão, momento em que recebeu uma desgarga elétrica. Paulo era jovem, tinha apenas 28 anos. Um dos vaqueiros mais premiados e reconhecidos da nossa região. Um rapaz simples, humilde, educado e sem vícios. Algo raro nos dias de hoje. Que Deus possa acolhê-lo num bom lugar e confortar os ficam e sentem a sua precoce partida. Descanse em paz, vaqueiro

TRE-PE libera bebidas alcoólicas na eleição

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) manteve o entendimento de não proibir o consumo e a comercialização de bebidas alcoólicas durante o segundo turno das eleições, que acontece no próximo domingo (26); no primeiro turno, a Lei Seca não vigorou no Estado; apesar da decisão, as autoridades alertam que o eleitor que chegar embriagado aos locais de votação será orientado de que só poderá votar quando estiver sóbrio; os motoristas que forem flagrados dirigindo sob o efeito de bebidas alcoólicas serão enquadrados na legislação prevista pelo Código Nacional de Trânsito. (Portal PE247)

CARRETA TOMBA NA BR 116 NO MUNICÍPIO DE CHORROCHÓ E CARGA É PARCIALMENTE SAQUEADA

Acidente na madrugada desta quinta-feira (23), no Km 47 da BR-116, próximo ao trevo no município de Chorrochó, onde uma carreta Mercedes modelo 1933, placa MDD 4115-Joinvile-SC, tombou carregada de televisores, ventiladores, motores que em parte foi saqueada. O motorista que não quis se identificar informou que vinha sentido Feira de Santana a Petrolina e chegando próximo ao KM 47, da referida BR, a carreta começou a apresentar problemas mecânicos, ele tentou frear e não conseguiu oportunidade em que perdeu o controle e tombou na pista. O motorista foi socorrido e não apresentava lesões. A polícia militar foi acionada e esta no local aguardando e remoção da carreta.
Com informações da Rádio Líder do Sertão FM e Fotos de Edilson Oliveira

Prefeitura antecipa salários dos servidores e decreta ponto facultativo na segunda (27)

A Prefeitura de Petrolina realizará o pagamento do funcionalismo público nesta sexta-feira (24), a remuneração que geralmente ocorre no último dia útil de cada mês, será antecipado em virtude do dia do servidor público.
De acordo com o secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Geraldo Junior, o município prestigia o servidor, com o salário e o ponto facultativo na segunda-feira (27), seguindo os parâmetros legais. “Estamos atendendo uma solicitação do Sindsemp e prestigiando o servidor público de Petrolina com a antecipação do salário e o ponto facultativo”, declarou.
Por prudência, o pagamento ocorrerá antes do previsto por lei, ainda dentro do mês trabalhado, como resultado de um esforço empreendido pelo Governo Municipal que fez uma reprogramação financeira durante esta semana. A gestão municipal prioriza a remuneração em dia dos seus servidores, pois, entende ser importante o cumprimento dos compromissos dos mesmos.
Ascom PMP

Dilma tem 54%, e Aécio, 46% dos votos válidos, diz pesquisa Ibope

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (23) aponta os seguintes percentuais de votos válidos no segundo turno da corrida para a Presidência da República:
Dilma Rousseff (PT): 54%
Aécio Neves (PSDB): 46%
Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo”.
No levantamento anterior do instituto, divulgado no dia 15, Aécio tinha 51% e Dilma, 49%.
Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
Dilma Rousseff (PT): 49%
Aécio Neves (PSDB): 41%
- Branco/nulo: 7%
- Não sabe/não respondeu: 3%
O Ibope ouviu 3.010 eleitores em 203 municípios entre os dias 20 e 22 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01168/2014.
Rejeição
O Ibope perguntou, independentemente da intenção de voto, em qual candidato o eleitor não votaria de jeito nenhum. Veja os números:
Aécio – 42%
Dilma – 36%
Expectativa de vitória
O Ibope também perguntou aos entrevistados quem eles acham que será o próximo presidente da República, independentemente da intenção de voto. Para 51%, Dilma sairá vitoriosa; 38% acreditam que Aécio ganhará; 10% não sabem ou não responderam.
1º turno
No primeiro turno, Dilma teve 41,59% dos votos válidos e Aécio, 33,55% (veja os números completos da apuração no país). (G1)

Feirantes de Lagoa grande comemoram 1 ano trabalhando na Praça Hermes Amorim

Nesta quarta-feira(22) pela manhã a praça Hermes Amorim em Lagoa Grande(PE) foi palco de festa e comemoração realizada pelos feirantes locais que lá trabalham diariamente.
O motivo da festa é que no último dia 18 completou 1 ano que os feirantes voltaram a trabalhar na praça Hermes Amorim, após terem sido transferidos para a Avenida da Uva e do Vinho na então gestão da ex-prefeita Rose Garziera devido a praça passar por reforma.
Os feirantes resolveram voltar e ocupar a praça por falta de estrutura e enfrentaram muitas dificuldades já que o prefeito Dhoni Amorim era contra os feirantes voltarem a trabalharem na praça com a alegação que iria estragar a praça.
Hoje, a comemoração foi com bolo e refrigerante distribuído na praça, os convidados que marcaram presença foram os vereadores Mantena, Erasmo Farias e a vereadora Lindaci.
Os feirantes em seus pequenos discursos destacaram agradecimentos pelo apoio dado pelos vereadores Mantena, Erasmo Farias, o vice-prefeito Roque Cagliari, como também, ao prefeito Dhoni Amorim por ter permitido que eles permanecessem na praça.
“Parabenizar vocês pela luta foi varias ameaças naquela época de policia vir aqui e tirar o povo e nos entendemos naquele momento que era importante deixar o pessoal aqui porque era mais higiênico era mais tranqüilo também para que as pessoas viessem fazer a feira e até achar uma solução”, disse o vereador Mantena.
Para Mantena, a solução continua sendo trabalhada, enquanto não vem o pátio de feira e for feita uma audiência publica para que se escolha o local, a idéia é que permaneçam na praça.
“O pátio de feira de vermelhos já está bem encaminhado, já foi licitado e já vai começar na questão do pátio de vermelhos ser construído primeiro, foi questão do recurso que foi liberado, não dava para construir o pátio para comportar vocês aqui, mas não sai da nossa cabeça, da nossa mente um pátio de feira com segurança e higiene para vocês trabalharem e parabenizo por este ano de luta”, disse o Vereador Erasmo Farias
A vereadora Lindaci esteve participando da festa e falou do empenho que o executivo estar tendo para trazer o pátio de feira de Lagoa Grande.
“Quero parabenizar a todos e pedir desculpa pelo transtorno que houve aqui, o prefeito está trabalhando junto com o governador. O município não tem recurso pra construir a obra, o recurso que foi liberado não dava para construir e não adiantava iniciar o pátio e deixar inacabado”,afirmou a vereadora Lindci
O prefeito Dhoni não compareceu. Segundo a vereadora Lindaci, devido ter compromisso e ter viajado de madrugada.
Destacamos que os vereadores Mantena e Erasmo Farias a um ano atrás em meio a ocupação dos feirantes  na praça Hermes Amorim os dois parlamentares estiveram no apoio aos feirantes.
lagoa grande noticias

ARTISTAS GLOBAIS PROMETEM PROCESSAR AÉCIO POR USO INDEVIDO DE IMAGEM EM CAMPANHA POLÍTICA

Nesta terça-feira (21), foi um dia difícil para o candidato Aécio Neves, que despertou ódio de artistas globais. A atriz Leticia Sabatella denunciou, em seu perfil no Facebook, uma propaganda política do ex-governador de Minas Gerais. A publicação causou bastante polêmica e gerou uma série de compartilhamentos. Veja:
‘‘Acabo de assistir, com muita indignação, um vídeo de propaganda política pró candidato Aécio Neves, utilizando imagens de vários atores que haviam sido feitas pra campanha do Gota D’água, contra a realização da Usina de Belo Monte, em defesa das populações e das áreas atingidas, naquela região. Eu quero deixar bem claro, que isto é um roubo, um desrespeito. Eu não vou votar em Aécio Neves! Nenhum daqueles atores deram sua autorização para constar suas imagens e depoimentos, descontextualizados, naquele vídeo de propaganda pró PSDB! Trata-se de uma enorme MENTIRA! Quem puder , por gentileza, compartilhe. Grata.
Leticia Sabatella’’.
Neves teria supostamente usado as imagens das celebridades que aparecem no vídeo, tais como Maitê Proença, Isis Valverde, Juliana Paes e outros.
De acordo com sites de entretenimento, vários artistas globais estão irritados com o neto de Tancredo Neves. Alguns pretendem até processar Aécio Neves. (poço 10 noticias)

Quarto e último debate entre Dilma e Aécio terá perguntas de indecisos

O debate da TV Globo entre os presidenciáveis Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB), nesta sexta-feira (24), vai contar com perguntas de eleitores indecisos, que estarão na plateia. Esse será o quarto e último debate na televisão antes da votação do segundo turno, marcada para o domingo (26). O programa vai ao ar após a novela Império e tem duração prevista de 1h50.
Os indecisos que vão participar do debate serão selecionados em todos os estados do país pelo instituto de pesquisa Ibope. Cada eleitor indeciso vai elaborar previamente perguntas com temas de interesse nacional. As oito perguntas mais bem formuladas serão selecionadas pela produção do programa para serem feitas aos candidatos.
Dilma e Aécio vão debater ideias e responder as perguntas em um cenário em forma de arena, que facilitará a movimentação dos candidatos durante suas falas. Os eleitores indecisos estarão sentados em volta do espaço ocupado pelos presidenciáveis.
O debate será dividido em quatro blocos. As participações dos indecisos estão previstas para o segundo e o quarto blocos. No primeiro bloco e no terceiro, os candidatos vão fazer perguntas um para o outro, com tema livre. Nos últimos minutos, Dilma e Aécio poderão fazer considerações finais, com os temas que escolherem abordar.
Em caso de ausência de algum candidato, seu lugar permanecerá vazio com uma placa que o identifique pelo nome. Nos dois blocos de tema livre, o candidato presente poderá formular a pergunta que faria ao candidato que se ausentou. Nos outros blocos, todas as perguntas de eleitores indecisos serão respondidas apenas pelo candidato presente. (Fonte: G1/foto reprodução)

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Bebê morre após gestante esperar 18h por parto em hospital de Goiás

A auxiliar de produção Darlene Larisse Ribeiro, 27 anos, que estava grávida de nove meses, denuncia que perdeu o bebê em um hospital de Anápolis, a 55 km de Goiânia, por negligência médica. Segundo ela, não havia leitos para realização do parto e, após esperar por 18 horas, sua filha morreu. “Na hora que eu cheguei lá era para ser feita uma cesárea, mas eu fiquei todas essas horas esperando no corredor até ela morrer”, lembra.
A jovem buscou atendimento na Santa Casa de Misericórdia de Anápolis no último dia 17. Ela afirma que sentia muitas dores, mas mesmo assim o parto não foi realizado de imediato. Quando ela foi submetida ao parto normal, o bebê já estava sem vida.Procurado pela reportagem, o chefe da maternidade da Santa Casa, João Batista Gomes, admitiu que não havia leito disponível para atender a gestante e, por isso, houve demora. “Não tínhamos vaga na enfermaria e em nenhum outro local do hospital”, disse.
Gomes ressaltou que, por ser referência, o hospital faz mais de 300 partos por mês e está enfrentando dificuldades para prestar um atendimento com qualidade. “A Santa Casa está sobrecarregada e não tínhamos leito nem no pré-parto”, destacou.O pai do bebê, o segurança Ismael Aires da Silva, 28 anos, disse ao G1 que a família vai recorrer à Justiça. “Ninguém do hospital nos explicou os motivos do que aconteceu até agora e estamos esperando o laudo do IML [Instituto Médico Legal] para saber as causas da morte. Depois, vamos procurar os nossos direitos para que Justiça seja feita. A morte da minha filha não pode passar impune”, disse.
Dor
Na casa da auxiliar de produção tudo já estava preparado para receber a menina. Inconformada, Darlene lamenta a perda da filha.“Foram nove meses de espera, sentindo ela mexendo dentro de mim, com aquele amor de mãe que sempre sonhei”, afirma.
Aos prantos, a avó da criança, a dona de casa Sirlene Ribeiro, diz que não entende os motivos que levaram a morte do bebê. “Não tem como, eu estava esperando minha neta. Minha filha está sofrendo muito e todos nós também”, disse.

Falta de tratamento para ebola gera quebra-quebra em Serra Leoa

A crise do ebola em Serra Leoa gerou protestos generalizados no país nesta terça-feira. Irritados com a falta de locais e condições de tratamento para a epidemia, os leoneses foram às ruas e começaram um quebra-quebra no distrito de Kono, no leste do país.
Segundo o correspondente da BBC em Serra Leoa, a confusão começou quando uma equipe médica tentou tirar uma senhora de 90 anos de idade de sua casa para colocá-la em quarentena – ela era suspeita de estar infectada com ebola. O filho da mulher começou a atirar pedras nos médicos e, depois disso, as pessoas da cidade aderiram ao protesto e começaram o quebra-quebra.
A polícia, então, abriu fogo contra os manifestantes e tentou conter a revolta impondo um toque de recolher. A equipe médica rapidamente fugiu do local e foi para um hospital próximo.
Serra Leoa é um dos países mais afetados pela epidemia do ebola no oeste da África. No total, o vírus já matou mais de 4.500 pessoas.

Homem é encontrado morto em Ouricuri

Edmilson Monteiro, de idade não informada, foi localizado já sem vida por volta das 16h30 desta segunda-feira (20), em uma estrada carroçável entre os bairros COHAB e São Sebastião, em Ouricuri.
A vítima foi alvejada na cabeça e no braço. O corpo foi removido para o IML em Petrolina para as medidas cabíveis. (Por Cariri Filho/ Rádio Voluntários da Pátria AM/Ouricuri-PE).

QUARTA E QUINTA FEIRA VERDE NO SUPERMERCADO MARTINS

ABACATE................................... 1,99

CEBOLA BRANCA....................... 0,99

TOMATE..................................... 1,19

BETERRABA............................... 1,49

MACA GRANDE (UN)..................0,99

Apesar de empate técnico, Datafolha confirma ligeira vantagem de Dilma contra Aécio

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (22) aponta os seguintes percentuais de votos válidos no segundo turno da corrida para a Presidência da República:
- Dilma Rousseff (PT): 52%
- Aécio Neves (PSDB): 48%
Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.
A pesquisa foi encomendada pelo jornal “Folha de S.Paulo”.
De acordo com o Datafolha, na reta final da eleição, os candidatos continuam empatados, no limite da margem de erro, de dois pontos percentuais para mais ou para menos.
No levantamento anterior do instituto, divulgado no dia 20, o resultado foi o mesmo: Dilma tinha 52%, e Aécio, 48% dos votos válidos.
Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Dilma Rousseff (PT): 47%
- Aécio Neves (PSDB): 43%
- Em branco/nulo/nenhum: 6%
- Não sabe: 4%
Segundo o Datafolha, 82% dos eleitores de Dilma acham que a presidente será reeleita. Entre os eleitores de Aécio, 78% acham que o tucano será o vencedor neste segundo turno.
Segmentos sociais
Nos segmentos sociais, a pesquisa confirma avanços da petista entre as mulheres, que tem a preferência de 47%; e no grupo das pessoas que recebem entre dois e cinco salários mínimos, com 45% de preferência.
No Sudeste, Dilma tem a preferência de 40% dos eleitores entrevistados.
O instituto ainda perguntou se o eleitor tem grande interesse pela eleição e 50% responderam sim, contra 39% do registrado no fim de agosto.
O Datafolha detectou que os eleitores não estão mais tão pessimistas com a economia do país e que esse sentimento ajuda a explicar a reação de Dilma na corrida presidencial neste segundo turno.
 De acordo com a pesquisa, 31% acham que a inflação vai aumentar –  esse índice é inferior aos registrados em setembro, de 50%, e em abril, de 64% -; 35% disseram que a inflação ficará como está; e para 21% dos entrevistados, a inflação vai diminuir.
Com relação ao desemprego, 33% acham que vai ficar estável; 31%, reduzir; e 26%, aumentar. E ainda: 44% responderam que a economia do país vai melhorar; 33%, que vai ficar como está; e 15%, piorar.
Agressividade
O Datafolha também perguntou ao eleitor sobre a agressividade na campanha eleitoral: 71% criticaram a agressividade. Para 36% dos eleitores, Aécio é o mais agressivo neste segundo turno. 24% acham que Dilma é a mais agressiva.
O Datafolha ouviu 4.355 eleitores no dia 21 de outubro em 256 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01160/2014. (Fonte/ilustração: G1)

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Carreta carregada de mangas tomba na zona oeste de Petrolina e deixa trânsito lento


O tráfego de veículos ficou mais lento na manhã desta terça-feira (21), nas imediações do contorno da Cohab IV, zona oeste de Petrolina. O motivo foi uma carreta carregada de mangas,  que tombou na giratória de acesso aos bairros da área.
O fato acabou chamando a atenção de curiosos e levou muitos condutores que precisavam ir ao Centro da cidade a desviarem pelo distrito industrial. Não há informações sobre feridos ou as causas que teriam motivado o acidente, ocorrido no final da noite de ontem (20).

Em clima de ‘já viramos’ Dilma participa de ato em Petrolina e manda recado: “Não vamos deixar tucano voando”

A visita da presidenta Dilma Rousseff (PT) a Petrolina não poderia acontecer em melhor momento. Depois de voltar a subir nas pesquisas para o segundo turno, o clima foi de muita festa durante ato da petista no início da tarde desta terça-feira (21).
Depois de quase duas horas de atraso, Dilma chegou a Praça Maria Auxiliadora sob grande euforia dos militantes que a todo instante gritavam “Pelo semiárido”.
Dilma iniciou seu discurso destacando os programas sociais de seu governo e disse sentir-se “orgulhosa” com as melhorias implantadas no semiárido. “Fico orgulhosa dos milhares de cisternas no semiárido. Eu vim aqui pedir o voto de vocês. Mais do que o voto, eu vim pedir a fé de que nós não deixemos a bola cair, para que a gente vença junto. Conseguimos botar a bola no campo e não podemos parar. Aqui mulher não carrega mais lata d’água na cabeça”, disse.
O evento contou com vários representantes da Articulação do Semiárido (ASA) e teve como principal objetivo discutir políticas públicas de convivência com o semiárido. Ao falar com os agricultores e militantes presentes, Dilma citou os investimento no Sertão pernambucano e rebateu as críticas dos tucanos sobre o chamado ‘voto de cabresto’.
Demos atenção especial à educação principalmente aqui no Semiárido, já derrotamos eles três vezes e vamos derrotar a quarta. Não votamos de cabresto, votamos porque temos consciência de como a vida dos filhos do povo teve uma melhora significativa de vida nestes últimos anos”, disse.
Cutucadas:
Mas, nem só de discurso terno foi feito o evento. O clima acirrado presente em alguns debates também teve seu espaço em Petrolina. Mostrando-se otimista para o pleito do próximo domingo (26), Dilma levantou a multidão e foi longamente aplaudida ao mandar um recado para seu adversário, Aécio Neves (PSDB).
Não vamos descansar, vamos em busca de mais votos e no próximo dia 26 não vamos deixar tucano voando por ai”, disse. Ainda falando dos investimento feito no semiárido, a presidenta aproveitou para cutucar a crise recente de falta d’água em São Paulo, governado pelo PSDB.
Aqui agora tem cisterna e tem água. Sabe porque, porque o governo federal se preparou e trouxe água para o nordeste e lá em São Paulo, eles [tucanos] não se prepararam”, finalizou.
Apesar dos rumores de que o ex-presidente Lula poderia acompanhar a presidenta ao Sertão, Dilma veio sem seu principal cabo eleitoral e daqui seguiu para Goiana, na Mata Norte, onde visita uma fábrica da Fiat.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

O JOVEM ATLETA WALLYSON DE SOBRADINHO BA-É DESTAQUE EM CAMPEONATO DE ARTES MACIAIS

Venho aqui agradecer a todos pela torcida maravilhosa, sinceramente se não fosse por aquela torcida não sei se, teria forças pra seguir adiante, agradecer também ao meu mestre Jose e toda equipe pela força nos treinos vocês são 10. "Sonhe, apesar das ilusões. Caminhe, apesar dos obstáculos. Lute, apesar das barreiras e, acima de tudo, acredite em você mesmo. "

Acusado de homicídio é preso pela Polícia Militar duas horas após cometer o crime em Petrolina

Por volta das 16h50  deste domingo (19), policiais militares do 5º BPM prenderam no Bairro João de Deus, em Petrolina, D.F.S., de 28 anos, natural de Serra Talhada, sob a acusação de haver desferido os dois golpes de faca que vitimaram Paulo Gomes Bezerra, de 44 anos. O crime ocorreu duas horas antes de sua prisão, no Bairro Pedro Raimundo. Segundo informações preliminares, a vítima e o acusado estariam ingerindo bebidas alcoólicas desde a manhã do domingo e, já sob efeito de álcool, se desentenderam vindo a entrar em luta corporal momento em que a vítima foi esfaqueada. O acusado foi reconhecido pela esposa da vítima. D.F.S. foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil para adoção dos procedimentos legais. Ainda segundo informações do próprio acusado, o mesmo encontrava-se preso na Cadeia Pública de Serra Talhada pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e havia sido liberado na semana passada. 
Ascom 5º BPM/PMPE

Fonte: Blog Diniz K-9

Homem é baleado com vários tiros, tenta fugir e morre dentro de casa em Nova Descoberta

Mais um crime violento é registrado em Petrolina. Desta vez o fato aconteceu no Povoado de Nova Descoberta, zona rural da cidade, no início da tarde desse sábado (18). Segundo informações do 5º BPM, a vítima é Raimundo Rodrigues da Souza Filho, de 39 anos. Ele estava em frente a sua residência, quando quatro desconhecidos em duas motocicletas Honda Bros, de cor vermelha, chegaram e efetuaram 24 tiros contra ele. Raimundo chegou a ser alvejado por alguns tiros e chegou a tentar fugir, correndo para dentro de casa, mas acabou morrendo no local. Uma mulher também acabou ficando ferida por um dos projéteis, que atingiu de raspão seu punho esquerdo. Moradores do local informaram à polícia que a vítima já tinha se envolvido em diversas brigas no povoado. Até o momento, os autores do homicídio ainda não foram identificados. O corpo de Raimundo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), em Petrolina.
Imagem: Google

Fonte: Blog do Carlos Britto

Carro capota na nova Avenida Irmã Dulce, em Juazeiro-BA

Na madrugada deste domingo (19) um veículo Gol, de cor branca, capotou na nova Avenida Irmã Dulce, proximidades do Bairro Jardim das Acácias e da Marvale, em Juazeiro-BA, parando em cima de uma residência. Moradores da comunidade informaram que a empresa colocou um redutor de velocidade e não sinalizou corretamente o que provocou o acidente. Não houve feridos com gravidade.

Fonte: Blog do Geraldo José

domingo, 19 de outubro de 2014

Terremoto político – “ISTOÉ” revela relatório da Polícia Federal envolvendo Aécio e caixa 2

Nos próximos dias, o procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, apresentará ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma peça jurídica capaz de provocar um terremoto político tão devastador quanto o do Escândalo do Mensalão. É a denúncia contra os políticos envolvidos no inquérito policial 2245-4/140-STF, que investiga o chamado “tucanoduto” – o caixa 2 da malsucedida campanha do senador Eduardo Azeredo ao governo de Minas Gerais, em 1998. Com mais de cinco mil páginas, o inquérito tem num relatório da Polícia Federal a completa radiografia de como foi montado o esquema e quem se beneficiou com ele.
Obtidos com exclusividade por ISTOÉ, os documentos que integram as 172 páginas dessa conclusão são mostrados pela primeira vez. Eles atingem diretamente o atual ministro das Relações Institucionais, Walfrido dos Mares Guia (à época vice-governador e candidato a deputado federal), e envolvem o governador de Minas, Aécio Neves (que na ocasião tentava sua reeleição à Câmara). Aécio é nomeado numa lista assinada pelo coordenador financeiro da campanha, Cláudio Mourão, como beneficiário de um repasse de R$ 110 mil.
O relatório compromete ainda 159 políticos mineiros que participaram da disputa de 1998, entre eles a então senadora Júnia Marise e 82 deputados, entre federais e estaduais. No total, 17 partidos são citados, incluindo o PT, acusado de ter recebido R$ 880 mil, divididos entre 34 sacadores, sendo cinco deputados federais (confira a lista completa ao final dessa reportagem).
eia mais na revista IstoÉ
Fonte: Poço 10 Noticias
Blog do Banana

Mais um homicídio em Juazeiro-BA

Carlinhos do Lava-Jato é a mais nova vítima de homicídio em Juazeiro-BA. Ele foi retirado da sua residência no Parque Jatobá, próximo ao Bairro Parque Residencial por cinco homens armados e encapuzados na última quinta-feira (16) e o corpo crivado de balas foi encontrado na manhã deste sábado (18), nas proximidades da Serra da Batateira, na comunidade. Segundo informações, Carlinhos foi sequestrado e colocado no porta-malas de um Voyage Preto. A Polícia Civil já abriu inquérito e está procedendo as investigações para tentar identificar os autores de mais um homicídio na cidade. Familiares e populares estiveram no local acompanhando os trabalhos da equipe do DPT (Departamento de Polícia Técnica) que recolheu o corpo para o IML (Instituto Médico Legal).

Fonte: Blog do Geraldo José

Começa o horário de verão em dez estados e no Distrito Federal


Em meio ao agravamento da situação nos reservatórios das principais hidrelétricas do país, entrou em vigor neste domingo (19) o horário de verão. A expectativa do governo é que a redução no consumo de energia no período contribua com uma queda de 0,4% no uso da água dessas represas.
A 39ª edição do horário de verão terá duração de 126 dias e terminará no dia 22 de fevereiro. À 0h (meia-noite) de sábado para domingo, os moradores de dez estados, além do Distrito Federal, adiantaram os relógios em uma hora.

sábado, 18 de outubro de 2014

Aécio Neves perde ação para censurar notícias sobre consumo de drogas

O senador Aécio Neves (PSDB-MG), pré-candidato do partido à Presidência da República, teve um pedido negado pela Justiça de São Paulo. Neves pediu o bloqueio de links em sites e perfis em redes sociais que relacionam seu nome ao “uso de entorpecentes” e desvio de dinheiro público durante sua gestão como governador de Minas Gerais. As ações têm como alvos os sites de busca Google, Yahoo! e Bing, e pedem a exclusão de notícias e remoção de sugestões de pesquisas que, segundo os advogados, “operam para caluniar sua trajetória”.
Segundo informações publicadas no diário conservador paulistano Folha de S. Paulo, nesta sexta-feira, o senador tucano não conseguiu que as notícias fossem censuradas. O pedido foi negado em primeira instância e os advogados estudam recorrer ao tribunal imedidatamente superior. No caso da ação sobre desvio de verbas, a banca entrou com um recurso, com pedido de liminar. No processo, os advogados do Google, no entanto, disseram que Aécio “parece sensível demais às críticas sobre sua atuação”. A empresa norte-americana afirmou, ainda, ser impossível retirar o conteúdo do ar sem prejudicar outras buscas relacionadas ao nome do senador.
A ação que busca excluir matérias que vinculam o nome de Aécio ao consumo de drogas corre em segredo de Justiça e foi iniciada em dezembro de 2013. O PSDB, em nota, informou que duas “mentiras” preponderam contra Aécio na internet e que a vinculação com drogas forja “uma falsa acusação de enorme gravidade”

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

PF liga PSB e PSDB a esquema bilionário de corrupção em Pernambuco

Um dos coordenadores da campanha do tucano Aécio Neves no estado de Pernambuco, Geraldo Cisneiros, e o ex-deputado federal pelo PSDB Bruno Rodrigues, agora no PSB, comandavam um esquema de corrupção descoberto pela Polícia Federal com ramificações por diversos órgãos estaduais.
O esquema, segundo a PF, surrupiou dinheiro da educação (merenda e fardamento escolar), saúde (terceirização de serviços médicos, Unidades de Pronto Atendimento e medicamentos), combustíveis, recursos humanos (contratação de funcionários fantasmas) e empreendimentos no Porto de Suape. Há, também indícios de fraudes financeiras na Fundação Previdenciária do Estado (Fundepe), que passa por dificuldades.
Cisneiros e Rodrigues são dois dos principais protagonistas do inquérito 433/2007 da PF, ora em trâmite no Fórum de Jaboatão dos Guararapes, região metropolitana de Recife. Foi lá que tudo começou, com uma investigação sobre exploração do jogo do bicho pelo doleiro Severino Jordão Emereciano, acusado de manter ligações com autoridades locais. O doleiro era dirigente do PSDB e chegou a se candidatar ao cargo de vereador em Jaboatão.
O relatório final da denúncia à Justiça pernambucana, ao qual a Agência PT de Notícias teve acesso no Fórum de Jaboatão, não específica o valor total arrecadado pelo esquema, mas a investigação da PF tem indícios que o montante pode superar R$ 1 bilhão.
De acordo com o inquérito, o esquema foi muito bem estruturado e manteve-se contínuo, durante anos, a partir de procedimentos criminais voltados para o repasse de dinheiro aos membros do grupo. Por essa razão, foi apelidado de “mensalão pernambucano” pelos policiais federais.
As reuniões do grupo, de acordo com escutas telefônicas registradas no inquérito, eram feitas na sede da Ceasa, em Recife. Até hoje, no entanto, nada aconteceu com os funcionários públicos flagrados em atividades do esquema. As comissões variavam de 5% a 35% dos valores contratados pelas secretarias estaduais.
Funcionários fantasmas – Cisneiros é conhecido blogueiro em Jaboatão, casado com a vereadora tucana Aline Mariana, e dirigente do PSDB. Ele chegou a ser eleito para a Câmara de Vereadores do município. Sua prisão preventiva foi decretada, mas relaxada quase imediatamente após a expedição da ordem judicial.
Junto com outro blogueiro da cidade, o colunista político Magno Martins, Cisneiros nomeava funcionários fantasmas para ocupar cargos políticos, em comissão, na Câmara. Um indicava, outro nomeava. O dinheiro se destinava à campanha política do tucano, conforme o relatório da PF.
As operações da PF – Jogo do Bicho, Farda Nova e Zelador – acabaram por expor a intensa atividade de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e corrupção de políticos do governo do falecido governador Eduardo Campos, do PSB, em conluio com empresários. Nas escutas feitas pela PF coma autorização judicial, algumas das negociações do grupo são identificadas como “negócios do petróleo” – uma referência à construção da refinaria de Ipojuca, próxima a Jaboatão dos Guararapes.
Junto com vários outros colegas da Câmara, todos agora denunciados na ação penal, Geraldo Cisneiros começou a atuar em fraudes em licitações em outros municípios do estado. Em princípio, na compra de merenda e uniformes escolares de cidades administradas pelo PSB, partido para o qual o ex-tucano Bruno Rodrigues migrou.
A dobradinha passou a responder pelos dois partidos no esquema: um cuidava dos interesses do PSDB, o outro, do PSB. Foi quando a PF identificou “uma verdadeira quadrilha”, no qual o doleiro e o tesoureiro de Eduardo Campos direcionavam licitações milionárias nos órgãos do estado para favorecer o esquema de corrupção.
A partir da investigação sobre jogo do bicho explorado pelo doleiro Emereciano, a polícia acabou por identificar 29 núcleos criminosos, cada qual descrito no relatório final do inquérito enviado à Justiça. Foram listados os integrantes da quadrilha e feitas as tipificações dos crimes por eles cometidos.
Sangria – A Petrobras aparece como um dos alvos do esquema de corrupção descoberto pela PF. De acordo com o inquérito, o Consórcio Terraplanagem, responsável por obras no complexo do Porto de Suape para construção da refinaria Abreu e Silva e o estaleiro Atlântico Sul, desviou, junto com a prefeitura de Ipojuca e várias empresas que participavam das obras, R$ 5,7 milhões da estatal em areia de aterro e da dragagem do porto.
Tudo com autorização de autoridades do estado, entre os anos de 2007 e 2008 – período em que Campos era governador de Pernambuco. Desse total, R$ 572,2 mil chegaram a ser faturados pela Petrobras ao consórcio, mas a PF informa no inquérito que, mesmo com a formalização da operação de venda da areia, o valor não foi pago.
O inquérito revela que auditoria especial do Tribunal de Contas da União (TCU) identificou os responsáveis pelo desvio: o então diretor-superintendente do complexo portuário de Suape, Fernando Bezerra, ex-ministro da Integração Nacional e senador eleito pelo PSB, e Claudino Pereira, ex-diretor do porto.
O documento esclarece que os dois autorizaram a doação de 995,5 mil metros cúbicos de areia, embora contratualmente as receitas pertencessem à Petrobras. Do total, 760,4 mil metros foram extraídos da dragagem do porto. Contratualmente, as receitas pertenciam à estatal.
O inquérito policial federal foi aberto, inicialmente, em 2007, ano seguinte à posse de Eduardo Campos como governador do estado. Após seis anos de investigações sigilosas, resultou em distintas ações penais. Isso porque os delitos ali encontrados foram tipificados, ora como crimes comuns, ora como federais.
O inquérito tem cerca de 40 volumes de documentos, com milhares de páginas, entre relatórios, documentos com a quebra de sigilo de muitos investigados, centenas de cópias de cheques e extratos de contas-corrente e dezenas de CDs com a gravação de horas de grampos digitalizados e transcritos.
Entre eles, diálogos entre investigados e o ex-governador do PSB, no qual Eduardo Campos cobra do presidente da Ceasa, seu ex-tesoureiro de campanha, Romero Pontual, a realização de uma licitação na Secretaria da Educação.
A PF estranhou o fato de Pontual, ainda hoje responsável no governo pela área de abastecimento de produtos agrícolas, ter sido escalado por Campos para tratar de assunto totalmente alheio aos interesses da Ceasa.
Isso levou a PF a identificar Pontual como um dos líderes do esquema e fechar o organograma da corrupção. Ele e Bruno Ribeiro eram responsáveis pela identificação de oportunidades e pelo tráfico de influência com outras autoridades estaduais. Jordão Emereciano providenciava a lavagem do dinheiro e o presidente da Ceasa operava as fraudes.
O inquérito 172/2010 da PF, que trata do crime de fraude contra o sistema financeiro, foi separado do original (533/2007) e resultou em ação que tramita na 13ª Vara da Justiça Federal em Pernambuco contra os empresários e doleiro Jordão Emereciano, representante da corretora Didier & Levy, e Otto Schmidt Neto, ex-gerente de uma agência da Caixa Econômica Federal.
Todos eles são acusados pela PF por gestão fraudulenta de instituição financeira, lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores, e uso de documento falso.
Blindagem – Em 2013, uma decisão do Tribunal Federal da 5ª Região (TRF5) ordenou que parte das investigações da PF tivesse tratamento de ação penal comum com foro local. Mas, apesar da gravidade das denúncias, o escândalo foi solenemente ignorado pela imprensa pernambucana. O silêncio em torno do assunto e a complexidade para criminalizar a ação dos envolvidos poderá, inclusive, livrar os acusados graças à prescrição das penas.
Mesmo porque a PF identificou o braço do esquema responsável pela proteção e blindagem das irregularidades nas licitações fraudulentas: a Procuradoria Geral de Justiça do Estado (PGE), cujo papel é exatamente o de fiscalizar e zelar pelas boas práticas administrativas e pelo correto emprego do dinheiro público.
O inquérito revela que, nesse ponto, entrou em campo o “homem forte do PSB”, Romero Pontual, presidente da Ceasa, com forte influência sobre as demais autoridades. “Ele era uma espécie de PC Farias do esquema”, afirma Noelia Britto, procuradora da prefeitura de Recife.
No relatório, a PF constata a influência de Pontual sobre a PGE. Fala das ligações do presidente da Ceasa com Tadeu Alencar, procurador-geral do estado, acusado de direcionar o processo para que uma outra procuradora, Taciana Xavier, opinasse favoravelmente à dispensa de licitação.
A procuradora não tem ligação direta com o caso. Noelia, no entanto, organizou e distribuiu cópias do processo à imprensa e emissoras locais, em vão. Mesmo com tudo documentado, teve o esforço era ignorado pelas redações pernambucanas. A única visibilidade conseguida foi por meio de um blog na internet. Acabou, segundo ela, ameaçada de morte.
A reportagem entrou em contato com a assessoria de Romero Pontual, presidente da Ceasa, um dos denunciados em três dos 29 inquéritos do processo. Pontual é considerado um dos líderes do esquema, mas não quis se pronunciar. O assessor de imprensa da Ceasa, José Machado, tentou desqualificar a notícia sobre o escândalo. Segundo ele, trata-se de “espalhafato”, sem credibilidade por ser pauta da Agência PT de Notícias. Em seguida, bateu o telefone. (Por Márcio Morais, da Agência PT de Notícias)

Debate: Dilma força Aécio a falar sobre bafômetro

A presidente Dilma Rousseff, candidata a presidência pelo PT, incluiu no debate SBT os temas dos quais o seu adversário, o candidato do PSDB, Aécio Neves, gostaria de se desviar: a recusa de se submeter ao teste de bafômetro, numa blitz no Rio de Janeiro, os casos de nepotismo no governo de Minas Gerais durante sua gestão – envolvendo vários parentes e a irmã do senador, Andreia Neves- a denúncia de envolvimento do ex-presidente do PSDB, Sérgio Guerra (falecido) com propina para esvaziar uma das CPIs sobre Petrobras e, de quebra, uma suspeita de privilégio na distribuição de verbas publicitárias à emissoras de rádio ligadas à família do senador.
“Candidato, candidato… Você não é um cidadão acima de qualquer suspeita. (…) Isso não é republicano”, reagiu Dilma, diante de uma pergunta do adversário sobre declaração em que a presidente afirma que ninguém está livre de defrontar-se com a corrupção – tema que mais uma vez dominou o debate neste segundo turno.
Álcool e droga
Ao tratar da morte de jovens no trânsito, Dilma obrigou o adversário a se explicar sobre a recusa em fazer o teste de bafômetro numa barreira policial, em 2011, no Rio de Janeiro. “Todo cidadão que for acionado, que for solicitado, deve se dispor a fazer o exame de álcool e droga?”, provocou Dilma, sem citar o episódio. Aécio engoliu a isca:
“Eu tive um episódio (…), parei na Lei Seca porque minha carteira estava vencida e ali mesmo naquele momento inadvertidamente não fiz o exame e me desculpei”, explicou-se o tucano, rebatendo com acusações sobre corrupção no governo e afirmando que Dilma não faz o mesmo em relação aos erros do governo